3 de jun de 2010

Daslu ganhou um lar e uma mãe que terá paciência e amor...

Final feliz para a Daslu, a Ana se apaixonou pela baixinha á primeira vista, mesmo com seu jeitinho temperamental...rsrsrs Ela é uma pessoa muito querida (trouxe um saco de ração para ajudar nossos peludos, fofa!!!) e terá todo amor e paciência do mundo para esperar a Dadá se entregar aos poucos... Dada estava carinhosa demais comigo ontem, adorou a musiquinha que bolamos para ela "DADA, DADA, DADA..." Ela estava alegre, mais confiante, feliz, menos ansiosa, e pedindo carinho, graças ao amor e paciência que a Rose e sua mãe tiveram com ela nestes dias de lar temporário... A mãe da Rose não se esquecerá da Daslu, ganhou uma mordidinha dela, mas ela não ficou com raiva não, ficou com dó, a Dada faz carinha de arrependimento e pede desculpas depois que faz. Acreditamos que tudo isto irá passar, já que ela está bem melhor em 1 semana.

Tentou morder as duas amigas da Ana, rsrsr mesmo assim ela não desistiu da adoção e mandou torpedo depois de algumas horas dizendo "A minha filhinha está melhor que eu pensava, veio no meu colo. obrigada por tudo, bjs Ana". Nós é que temos que agradecer pelo seu amor e despreendimento. Muito obrigada a todos que repassaram, que ajudaram de alguma forma, a querida Tatiana e equipe do Espaço pra Cachorro (www.espacopracachorro.com.br) pelo tratamento, banho e sessão de fotos, ao lar temporário que nos ajudou muito e principalmente ajudou Daslu aos poucos a desestressar e voltar a acreditar em humanos, e principalmente a nova família, que a adotou com a idéia de amá-la incondicionalmente...

"Conversamos ontem, sobre a cadelinha mini “DASLU”. Conversei com meu marido e ele aceitou... Ela será um presente de Deus em nossas vidas... Estamos passando por um momento muito difícil... minha sogra faleceu e com certeza a “Dada” irá nos ajudar a diminuir toda a dor que estamos sentindo. Quero buscá-la amanhã... Se ela me “aceitar” e me “escolher”, quero preparar todas as coisinhas dela: caminha, cobertor, roupinha,potes de ração, coleira, brinquedos e tudo o que ela necessitar, com muito amor e carinho. A casa e ocoração estão abertos para recebê-la, Ana Novais"
Postar um comentário