14 de mai de 2010

Casquinha, mais um PetFeliz!!! Mostrando que tudo é possível...

Casquinha foi resgatada em um estado deplorável de sarna avançada e desnutrição, com apenas 5 meses, passou a infância se coçando, fugindo, com fome... Chegou assustada, faminta  e medrosa, sofreu muito mais do que muitas pessoas poderiam suportar, mas em alguns dias estava com a alma curada e com o tratamento adequado, alimentação correta e muito amor, a
pele também começou a se curar. A Andréa Freixeda (da Biofauna), sempre repassa nossos e-mails e com isto a Raquel e a mãe Marisa puderam conhecer o
Petfeliz, as diversas histórias e a Casquinha.

Mas queriam adotar um que realmente precisasse, então o primeiro candidato foi o Alberico, rejeitado pela sua péssima aparência de sarna e as orelhas feridas, magro e etc, mas chegaram tarde pois foi doado para uma mãe maravilhosa. Depois a Ginger, cadelinha problema, rsrsrs que apareceu castrada, mas chegaram tarde pois ela ganhou uma família perfeita, e agora com a deliciosa Casquinha, que ganhou este nome pois era uma casca só de tão ferida, mas que agora eu associo a casaquinha crocante do pão  francês, casquinha de queijo derretido, casquinha de sorvete.. uma delícia de cadelinha.

Casquinha foi viver em Bragança Paulista, terá 2000 mts de terreno para brincar com seus irmãos caninos, um Golden (fiquei muito feliz com isto pois ela AMA brincar e correr, acho que serão grandes amigos, e disputarão bolinhas rsrs), um buldog e uma salsichinha. Marisa chegou grudando na Casquinha, olhando os dentes e dizendo que vai escová-los (ela é dentista rsrsr), e beijando. E não é que Casquinha encontrou uma fã no Carrefour, se encantou com ela de vestido florido que tia Renata (mãe da Pipoca e Peteca deu). Linda!!! A mãe amou logo de cara, ela será muito miada mesmo!!! Obrigada a todos de todo coração, que de alguma forma participaram do processo de cura e doação da Casquinha. Obrigada a nova família, as madrinhas, a todos que repassaram e torceram... Que sensação maravilhosa, de missão cumprida, como foi bom ajudar a Casquinha...
Postar um comentário